Author Archives: Mario Lettieri e Paolo Raimondi

Crise no setor energético – novo risco sistêmico?

Um dos efeitos de “flexibilização quantitativa” (leiam-se injeções maciças de liquidez) praticada pelos bancos centrais tem sido a causar uma certa volatilidade nos preços das commodities. O simples anúncio da “flexibilização” europeia pelo Banco Central Europeu (BCE) chegou a determinar variações diárias de até 9% nos preços do petróleo. No passado, a liquidez nova costumava gerar um aumento na produção ...

Read More »

Os derivativos e a falência do método econômico

Nos últimos anos, os governos italianos contraíram diversos tipos de derivativos financeiros com 17 bancos internacionais e dois bancos italianos, os quais, em dezembro de 2014, detinham um valor nocional de 163 bilhões de euros. Hoje, eles têm um valor de mercado (mark to market) negativo em mais de 42 bilhões. Este é o montante que deveria ser desembolsado se ...

Read More »

China quer papel maior em instituições multilaterais

Após a criação do Banco Asiático de Investimentos em Infraestrutura (AIIB, sigla em inglês), com a participação da Itália e de outros grandes países europeus, a China e seus aliados no grupo BRICS decidiram continuar a construção de um novo sistema monetário internacional multipolar. Recentemente, o governo de Pequim solicitou a incorporação do yuan na composição dos Direitos Especiais de ...

Read More »

A sociedade civil na luta contra os carteis e a manipulação dos preços

Desde a sua criação, a União Europeia (UE) sempre lutou contra a formação de carteis entre os bancos, companhias de seguros e outros agentes econômicos. Juntamente com os monopólios e oligopólios, os carteis representam uma ameaça real para o bom funcionamento dos mercados. Algumas empresas, para manipular e aumentar os preços, ou para dividir o mercado para assumir uma posição ...

Read More »

Banco Asiático de Infraestrutura: um passo rumo a uma nova governança monetária internacional

A adesão da Itália, Alemanha, França e Grã-Bretanha ao processo de criação do Banco Asiático de Investimentos em Infraestrutura (AIIB, sigla em inglês), conduzido pela China, é, sem dúvida, um acontecimento da maior relevância no xadrez geopolítico mundial. É a mensagem de que a União Europeia (UE) e o nosso país não pretendem ficar de fora dos processos importantes para ...

Read More »

A flexibilização quantitativa europeia ficará “estacionada” nos bancos?

A pauta de injeção de liquidez – vulgo “flexibilização quantitativa” – do Banco Central Europeu (BCE) de Mario Draghi tem muita “psicologia” e pouca presença na economia real, assim como ocorre com muitos comentários à política do BCE. O banqueiro central europeu afirma, claramente, que a compra mensal de 60 bilhões de euros em títulos de dívida pública, ativos securitizados (títulos ...

Read More »

Trani: agências de risco no banco dos réus

Os tomadores de decisões na política e no governo e os meios de comunicação italianos estão tratando com bastante ênfase, se não com hostilidade, o processo em curso no Tribunal da Comuna de Trani (na província de Bari) contra as agências de classificação de risco Standard & Poor’s e Fitch. Entre maio de 2001 e janeiro de 2012, ambas divulgaram ...

Read More »

HSBC: centro das fraudes fiscais e operações financeiras ilegais

Mario Lettieri e Paolo Raimondi, de Roma A crise financeira de 2008 contribuiu para os órgãos de fisalização financeira de muitos países voltassem as atenções para a prática disseminada da evasão fiscal, começando pelos próprios EUA e Reino Unido. Mas, até há pouco, tais preocupações não tinham ido além de alguns alaridos midiáticos, míseras condenações e escassas contramedidas legais. Porém, ...

Read More »

La alternativa al sistema del dólar -el papel del oro

Los groseros intentos estadounidenses para salvara todo costo el papel hegemónico del dólar están llevando a un número creciente de países a trabajar intensamente en la construcción de una alternativa monetaria multipolar. Objetivamente hablando, el papel del dólar como la principal moneda de comercio y de reserva internacional concluyó su ciclo histórico. Conviene tomar nota de esto. Las desestabilizaciones financieras ...

Read More »

Agencias de riesgo: "brazo armado" de la finanza especulativa

La prensa italiana, como la mayoría de las demás, acostumbra considerar confiables las agencias calificadoras de riesgo estadounidenses. El caso más reciente es el de Moody’s que, basada en no se sabe qué competencia superior, rebajó la evaluación hecha por la propia Organización para la Cooperación y el Desarrollo Económico (OCEDE), entidad que agrupa a 34 países, incluyendo a las ...

Read More »