Economia

Grécia dá aula de História e tapa com luva de pelica na Alemanha

Em um artigo publicado na edição de ontem do Valor Econômico, o ministro das Finanças da Grécia, Yanis Varoufakis, oferece uma preciosa lição de História, em um momento no qual o mundo parece ter renunciado a todos os ensinamentos do processo civilizatório, apequenando-se e curvando-se ao discurso falacioso da financeirização de virtualmente todos os aspectos da vida humana. Como se sabe, ...

Read More »

Brasil: tudo dominado

Se alguém ainda tinha dúvidas sobre o domínio absoluto das forças pró-rentismo na formulação das políticas públicas no Brasil, os últimos números sobre os indicadores econômicos e financeiros as sepultam de vez. Neste momento, a economia brasileira vive o pior dos mundos: retração das atividades em quase todos os setores produtivos, com exceção da agropecuária; inflação em alta, principalmente, por ...

Read More »

Por que os juros são tão elevados no Brasil

Maria Lucia Fattorelli Ex-auditora da Receita Federal e coordenadora da ONG Auditoria Cidadã da Dívida (www.auditoriacidada.org.br) O Brasil é o país que mais gasta com juros. Tanto os juros incidentes sobre os títulos da chamada “dívida pública”, como os juros pagos pela sociedade em geral nas operações de crédito (empréstimos, cheque especial, cartão de crédito etc.) são disparadamente os mais ...

Read More »

Crise no setor energético – novo risco sistêmico?

Um dos efeitos de “flexibilização quantitativa” (leiam-se injeções maciças de liquidez) praticada pelos bancos centrais tem sido a causar uma certa volatilidade nos preços das commodities. O simples anúncio da “flexibilização” europeia pelo Banco Central Europeu (BCE) chegou a determinar variações diárias de até 9% nos preços do petróleo. No passado, a liquidez nova costumava gerar um aumento na produção ...

Read More »

Os derivativos e a falência do método econômico

Nos últimos anos, os governos italianos contraíram diversos tipos de derivativos financeiros com 17 bancos internacionais e dois bancos italianos, os quais, em dezembro de 2014, detinham um valor nocional de 163 bilhões de euros. Hoje, eles têm um valor de mercado (mark to market) negativo em mais de 42 bilhões. Este é o montante que deveria ser desembolsado se ...

Read More »

A sociedade civil na luta contra os carteis e a manipulação dos preços

Desde a sua criação, a União Europeia (UE) sempre lutou contra a formação de carteis entre os bancos, companhias de seguros e outros agentes econômicos. Juntamente com os monopólios e oligopólios, os carteis representam uma ameaça real para o bom funcionamento dos mercados. Algumas empresas, para manipular e aumentar os preços, ou para dividir o mercado para assumir uma posição ...

Read More »

Banco Asiático de Infraestrutura: um passo rumo a uma nova governança monetária internacional

A adesão da Itália, Alemanha, França e Grã-Bretanha ao processo de criação do Banco Asiático de Investimentos em Infraestrutura (AIIB, sigla em inglês), conduzido pela China, é, sem dúvida, um acontecimento da maior relevância no xadrez geopolítico mundial. É a mensagem de que a União Europeia (UE) e o nosso país não pretendem ficar de fora dos processos importantes para ...

Read More »

A flexibilização quantitativa europeia ficará “estacionada” nos bancos?

A pauta de injeção de liquidez – vulgo “flexibilização quantitativa” – do Banco Central Europeu (BCE) de Mario Draghi tem muita “psicologia” e pouca presença na economia real, assim como ocorre com muitos comentários à política do BCE. O banqueiro central europeu afirma, claramente, que a compra mensal de 60 bilhões de euros em títulos de dívida pública, ativos securitizados (títulos ...

Read More »

Trani: agências de risco no banco dos réus

Os tomadores de decisões na política e no governo e os meios de comunicação italianos estão tratando com bastante ênfase, se não com hostilidade, o processo em curso no Tribunal da Comuna de Trani (na província de Bari) contra as agências de classificação de risco Standard & Poor’s e Fitch. Entre maio de 2001 e janeiro de 2012, ambas divulgaram ...

Read More »

Uma radiografia do “Sistema da Dívida”

Em uma entrevista publicada na edição de março de 2013 do Jornal dos Economistas, do Conselho Regional de Economia (Corecon-RJ), que deveria ser lida por todos os brasileiros interessados no futuro do País, a ex-auditora fiscal da Receita Federal Maria Lucia Fattorelli proporciona uma esclarecedora “aula” sobre o funcionamento das finanças públicas no Brasil e, mais especificamente, o controle do ...

Read More »