Economia

Dirigismo econômico: na China, pode, no Brasil, nem pensar

Uma reportagem publicada no Globo de 17 de julho informa que empresas e bancos estatais chineses estão de olho nas oportunidades de grandes negócios oferecidas pela crise financeira que avassala o Estado do Rio de Janeiro. Na lista de compras e investimentos, empresas e empreendimentos de infraestrutura, nas áreas de como saneamento, logística, telecomunicações e energia, inclusive a usina nuclear Angra 3, ...

Read More »

O que provocou a crise econômica atual?

Maria Lucia Fattorelli* O que provocou a crise econômica atual, que está jogando mais de 15 milhões de pessoas no desemprego e gerando danos irreparáveis ao País? Além desse desemprego recorde, essa crise tem produzido desindustrialização, quebra de milhões de estabelecimentos comerciais, encolhimento do PIB, sucessivos cortes de direitos sociais, entrega de patrimônio por meio de privatizações e diversas modificações ...

Read More »

A lição amarga da dívida pública grega

Sete anos após o início dos resgates financeiros, a Grécia parece estar pior do que antes. Em 2000, o mercado já havia parado de refinanciar a dívida grega. Em seguida, os países da zona do euro, com uma série de acordos bilaterais, concederam ao país empréstimos no montante de 52,9 bilhões de euros. Em 2012, percebeu-se que não seria suficiente. ...

Read More »

Meta de inflação e a política dos credores

Por André Araújo Dois e meio milhões de desempregados novos se somaram ao estoque de 12,3 milhões herdados do governo anterior. A atual política econômica não tem como objetivo reduzir o desemprego, seu objetivo é um só, assegurar pagamento de juros da dívida pública, uma equipe econômica para zelar pelo interesse dos credores que geralmente não é o mesmo do ...

Read More »

Ilusionismo econômico

O acossado presidente Michel Temer apressou-se em trombetear o que chamou o “fim da recessão”, tão logo o IBGE divulgou o pífio crescimento de 1% no PIB do primeiro trimestre do ano, em relação ao último trimestre de 2016. Fazendo coro – e sem receio do ridículo –, o ministro da Fazenda Henrique Meirelles chegou a celebrar “um dia histórico”. ...

Read More »

A Petrobrás na contramão

Por Eugênio Miguel Mancini Scheleder Engenheiro aposentado da Petrobras. Artigo publicado no sítio da Associação dos Engenheiros da Petrobras (Aepet), em 05/06/2017. Cresce a percepção de que os preços do petróleo permanecerão mais baixos por um período mais longo do que se esperava. O ambiente de preços elevados vigente até 2014 criou condições favoráveis para que os produtores de óleo ...

Read More »

A bolha da dívida de títulos corporativos

A bolha de títulos corporativos é uma séria ameaça ao sistema econômico e financeiro global. Talvez, seja pior que a das notórias hipotecas imobiliárias subprime que deflagraram a crise de 2008, uma vez que já ultrapassou em muito a casa dos 30 trilhões de dólares. Mas o número mais preocupante é que, no setor corporativo, a taxa de dívida/receita, a ...

Read More »

Desindustrialização e políticas industriais: e agora, Brasil?

Os prognósticos apontam que a participação da indústria no PIB brasileiro deverá cair para a faixa de 8-9% até o final de 2017. E a política pró-rentista do governo, aferrado à agenda míope da austeridade, não sugere qualquer perspectiva de reversão deste quadro, que devolve o setor a um nível equivalente ao das primeiras décadas do século passado. Tal insensibilidade, ...

Read More »

Abimaq: “Vivemos a pior crise dos últimos 80 anos”

Texto originalmente publicado na revista Carta Capital (22/03/2017). “O governo não tem nenhuma noção do risco de sobrevivência que a indústria corre. Visitei quase todos os ministérios, conversei com os ministros e os secretários-gerais e vi claramente que a percepção desse risco não passa pela cabeça dos governantes. A única coisa que eles têm em mente é ajuste, ajuste, ajuste. ...

Read More »

Davos 2017: globalização não está funcionando, é preciso evitar o nacionalismo e o “populismo”

A globalização, como praticada nas últimas décadas, não está cumprindo as promessas de prosperidade geral e isto está gerando uma insatisfação crescente, principalmente nas classes médias, o que tem se refletido em fenômenos como a saída do Reino Unido da União Europeia (Brexit), a eleição de Donald Trump, a reemergência do nacionalismo econômico e uma crescente revolta contra as elites ...

Read More »